sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Diante da dor dos outros - há 9 anos

Jovens americanos fazem pequenique enquanto o WTC pega fogo: Hannah Arendt, Norman Rockweel e um médico paulista em choque pela perda do filho

Terá sido verdadeira essa situação ou não passa de uma montagem? A foto é do alemão Thomas Hoepker, que estava dirigindo seu carro quando a cena chamou sua atenção, na fatídica manhã de 11 de setembro, há exatos 9 anos. Ele levou três anos para publicá-la. Por incrível que pareça, lembra as cenas bucólicas pintadas pelo americano Norman Rockwell.

Volta à memória à pergunta: onde estávamos naquele momento? Eu, na sala de um médico paulista cujo filho estava num dos elevadores do World Trade Center e com quem ele falara há coisa de meia-hora. As torres desabaram com ele dentro.

Um horror estar à frente da dor dos outros, como eu estive, bem diferente da indiferença mostrada nessa foto - se ela for verdadeira.

5 comentários:

Ju Borges disse...

eu estava no vigésimo segundo andar do Novo Edifício Abril. rsrs

F. disse...

eu estava no carro, a caminho do edifício abril, quando soube, por telefone, do ocorrido.

kianda disse...

Eu tava a almoçar com o FBaiao, quando recebi um telefonema de uma amiga. Tinha voltado de NY no dia 22 de Agosto...

Menina de Angola disse...

eu estava no trabalho e sonhei na noite anterior eque estava vendo um video na Tv do sujinho (o bar da esquina do predeio onde eu trabalhava), onde um aviao batia num predio... o aviao era um teco teco e o predio um antigao de 5 andares... no meu sonho ninguem morreu...

Hugo Becker disse...

Esta foto parece montagem. Mas há espaço para tudo neste mundo: pode ser que não seja.

Eu, do alto de meus 15 anos, estava ainda na escola, quando cheguei em casa e liguei a TV. Para não mais desligá-la até a hora de dormir, de tão impressionado que fiquei com as cenas...