sábado, 11 de outubro de 2008

Angola: versão cuti-cuti #1

1. Porque ultimamente eu ando de mau-humor (e o meu nome do meio é Garfiled).
2. Porque Angola tem muito de bom, para mostrar (e sem tem... então aos Domingos, é que tem).
3. Porque eu ando cansada, é certo. Não será por acaso que a média para expatriados, é de 2 anos no país... (aos outros, a minha vénia).

4. Porque quando criticamos para o mal, de forma ligeirinha, as coisas ganham mais piada (confessem lá se é ou não verdade, mesmo na vida real).
5. Porque apesar dos meus textos, eu gosto de cá estar e também sei ver as coisas cuti-cuti do país e das pessoas (óculos cor-de-rosa, para que te quero).


Vou deixar o mau humor lá fora e mostrar nas próximas publicações o que de melhor encontrei na viagem ao Uíge!

11 comentários:

F. disse...

2 anos é a média para expatriados que trabalham para as empresas, Miguitas. Nos organismos não governamentais, que não apóiam com casa, carro, geradores, caminhões de água, etc., a média é para expatriados é de 10 meses!
Mostra pra gente o que essa terra tem bom. Eu fiz o mesmo com Benguela e todo mundo adorou. Vamos iniciar uma campanha para tirar a fama de rabugice desta Casa. ahaha (sempre a brinca).

Migas disse...

Sim F. E no teu caso, talvez a minha média seria 15 dias... :o)
A minha vénia a ti e à P.! :o)

beijo "rabujas" ah ah ah

Migas disse...

... talvez a minha média fosse 15 dias... soa melhorzinho! :P

kandanda disse...

Mostra tudo sem rodeios de se, mas, ou isto ou aquilo. Mostra porque Uíge é terra de gente nobre. Se poderes trás também Songo, terra onde nasci e que nunca conheci, apesar de ter vivido dezasseis anos em Angola!
Abraço,
Kandanda

F. disse...

Ih, cê nem sabe Miguitas, mudamos de novo. Estamos vizinhos de novo, agora... bjs.

Anônimo disse...

Kandanda!Minha CONTERRÂNEA!!! Também eu nasci no Songo há 56 anos!! Vivi lá os meus primeiros 9 anos...depois vivi mais 14 entre Uíge e Luanda. Songo é a 40 Kms do Uíge, capital de distrito. Há 50 anos o Songo era uma terra pequena mas muito linda. Pergunte a alguém da sua família se se lembra de Artur Cândido Pires, comerciante e fazendeiro de café.É meu Pai.Tenho muitas saudades do Songo,(é a minha Infância!!!). As pessoas de lá são carinhosas e humildes, tal como as do Uíge. Para elas desejo, do fundo da alma, muita paz e prosperidade, e, se Deus existe, que as abençoe pois bem merecem. Kandanda, tenha orgulho em ser do Songo, esteja ele hoje como estiver. É para sempre a terra que nos viu nascer, portanto tem que estar no coração! Um abraço,

Manuela Pires

Para Angola, com Amor! disse...

Foi precisamente nestas terras que muita gente morreu. Pretos e brancos, numa das maiores chacinas da história de Angola.
O clima também é péssimo, dos piores de Angola. Mas as terras são férteis. Em Agosto de 2008 (sim Agosto de 2008) e porque há fome, comem-se macacos. E abrem-se estradas novas, em nome do progresso, com os mesmos métodos do passado, mas será que serão mesmo necessárias ou escondem outros interesses?
Claro que as questões que levanto não são para a Migas.
À Migas desejo muita força anímica e muita saúde, para se poder manter por Angola.

Miguel disse...

Hummmmmm então eu sou um sobrevivente...lol! Ora bem Migas, voz de mais velho e veterano destas andanças, o ideal nas cenas que nos chateiam é despejar tudo cá para fora e depois olhar para o que tem de positivo. O balanço ainda é positivo, acredita (acho lol). Por exemplo, a fotografia que aqui deixaste é espectacular! Eu não tenho saído muito da capital, confesso. Ando a deleitar-me com as estreias de cinema, comida chinesa e o acompanhamento da actual crise. Para espairecer, ilha. De resto, as pessoas que me chateiam, acho-as umas bestas e farto-me de rir com a sua imbecilidade inconsciente. Mas depois, há as pessoas porreiras. E o mato. E o que a natureza tem de bonito por aqui, à falta de melhor lol. Mesmo estando farta, acredita que vais ter saudades quando saíres definitivamente daqui ;)

Menina de Angola disse...

Migas, que lugar lindo... apesar de confundir com Huila (que feio!), também quero ir. heheh Quero conhecer todos os lugares lindos desse país. Agora, 2 anos não é muito pouco? Bem, pelo menos conheço pessoas que estão a muito mais e um conseguiu bater o recorde de cá estar Há 14 anos. Se bem que ele adora dizer que de 5 anos pra cá Angola ficou insuportável... Se Angola é difícil não sei, mas que Luanda está cada dia mais caótica isso não resta dúvidas...

bj

Albano laranjeira disse...

Por lá andei durante 27 meses. Hoje só tenho recordações e cheiros.
Partirei levando comigo a saudade de terras de Africa.
Um abraço

http://onzima-laranjeira.blogspot.com/

carla figueiredo disse...

olá Albano,o mundo é pequeno laranjeira...saudades mil para ti e vê se adicionas o meu blogue...quem sou???a carlita figueiredo também eu com o songo no coração...que é feito de vocês...quero saber tudinho...beijos a todos...vou ver se reconheço mais alguém...