terça-feira, 1 de abril de 2008

Tesouro escondido


Em meio a tanta decadência, com prédios ruindo por todo lado, parece difícil imaginar. Mas a verdade é que Luanda teve seus dias de glória. Encontrei uma prova física disso, esta semana, no Cine Miramar, no bairro de mesmo nome.

O muro branco que fazia as vezes de tela está sujo, mal-cuidado como quase tudo por aqui. Faz muito tempo que não vê uma película. Do espaço, projetado pelo arquiteto português João Garcia de Castilho nos anos 50, sobraram os traços de pompa.

Deviam ser realmente magníficas as noites de cinema ao ar livre, com a baía de Luanda iluminada por navios na entrada do porto. Hoje o espaço só recebe eventos e espetáculos. Por isso as cadeiras alinhadas.

4 comentários:

Anônimo disse...

Queridos,
Recebi uma notícia hoje da Fiesp e me lembrei de vocês. Vejam o link:
http://www.fiesp.com.br/agencianoticias/2008/03/31/parceria-fiesp-angola-deconcic.ntc

Celina

Paty@Bahrain disse...

Oi! Posso adicionar um link de vcs ao meu blog? Acabei de começar... :)
www.patriciaamorim.com

Anônimo disse...

Isso é algo que merecia ser resgatado.
Prof. R.

F. disse...

Oi Celina, ainda não tive tempo de ver o link, mas vou fazer agora. Olá Paty, claro que pode adicionar. A honra é nossa. Prof. R., eu já fiquei viajando na idéia de montar um cinema de verdade ali de novo... Será?